quarta-feira, 5 de dezembro de 2007

"Sou um servo inútil"


por Rev Leandro Campos*


No Evangelho de S. Lucas, captítulo 17 versículo 10 podemos ler esta instrução que Jesus deu aos seus discípulos, que nos dá a todos nós que somos atualmente os seus discípulos: "Quando tiverdes feito tudo o que vos foi ordenado, dizei: Somos servos inúteis, fizemos o que devíamos fazer".

O Itinerário espiritual cristão é marcado por uma diversidade tremenda. Há alguns anos decidi para minha experiência de formação ministerial entrar numa comunidade de características monásticas. Estou falando da Ordem de S. Bento.

Como evangélico creio num encontro pessoal com Cristo. Para mim, isso aconteceu aos 10 anos num culto da Igreja Batista na periferia da cidade de São Vicente. Apesar de ter me preparado para primeira comunhão na Igreja Católica e freqüentado a catequese, nunca havia experimentado um contato pessoal com Ele.

Vinte anos após minha decisão por Cristo depois de uma formação, eu diria, tipo colcha de retalhos - católica, batista, anglicana, metodista fui levado ao ministério ordenado para servir em nome da Igreja ao povo de Deus.

Formado Assistente Social fui/sou chamado a dar ênfase em meu ministério a dimensão da diaconia - serviço. Esse é um imperativo para vida cristã.

Compartilhando mais de 50 anos de prática ministério o Pr. Ralph M. Riggs publicou "The Spirit-Filled Pastor´s Guide" onde trata do Ministério Integral do Pastor.



Do cuidado com a saúde física, mental e espiritual. A Formação teológica e de conhecimento geral continuado. O Planejamento diário, as relações pastorais com a sociedade, a igreja e com sua própria família.

Em suma: uma vida de "oração e trabalho".

O que Bento de Núrsia e o Pr. Ralph M. Riggs tem em comum? eu diria exatamente isso: uma vida dedicada a "Oração e Trabalho" reservados as diferenças de tempo, lugar, e cultura.

A vida cristã vivida por um ministro do evangelho é dinâmica e requer dele "Sacrifício". Ele está trabalhando 25 horas por dia, 8 dias por semana. E, acredite. Ainda, é pouco.

As pessoas precisam hoje mais do que em qualquer época da história humana de cuidado pastoral. Elas precisam sentir que Deus as ama.

Aqui na All Saints´Church nossa declaração de missão é:

"Restaurar todas as pessoas para a união com Deus, e uns com os outros em Cristo, através da Oração, do Culto, dos Sacramentos, da Proclamação do Evangelho e pela Promoção da Justiça, da Paz e do Amor!"

Neste primeiro ano de ministério foram 16 casamentos, 6 batismos, 50 Santas Comunhões celebradas, 2 Ofícios fúnebres, visitas domiciliares e hospitalares, ministração da Bênção da Saúde. Pregação da Palavra de Deus...

E, recordando o texto bíblico "Quando tiverdes feito tudo o que vos foi ordenado, dizei: Somos servos inúteis, fizemos o que devíamos fazer".



Concluo: "Sou um servo inútil, fiz o que devia fazer!"




Deus quer que tenhamos como meta uma vida de santidade. Santidade que se desdobra no serviço a Palavra e a justiça. Se você desejar seguir este itinerário, saiba que há sacríficios, mas que Ele estará contigo em todos os dias da tua vida e ministério.

Oremos:

"Ó Senhor, mostra-nos a tua misericórdia. E concede-nos a tua salvação. Reveste de santidade os teus ministros. E cante o seu povo de alegria." (LOC, p. 36)





* O Rev. Leandro Campos é Presbítero da Igreja Episcopal Anglicana do Brasil, Paróquia de Todos os Santos. (http://www.ptodosossantos.com.br/)