segunda-feira, 7 de janeiro de 2008

Parábola dos blogueiros cristãos e o homossexual


por Jefferson Ramalho

"Propôs também esta parábola a alguns que confiavam em si mesmos, por se considerarem justos, e desprezavam os outros:Três pessoas subiram ao templo com o propósito de orar: dois blogueiros cristãos, e o outro, um homossexual.

Os blogueiros cristãos, colocando-se em pé - pois nisto se reduzem suas posturas de reverência cheias de normas e severidades - oravam de si para si mesmos, desta forma: Ó Deus, graças te damos porque não somos como os demais seres humanos, ladrões, injustos, adúlteros, liberais, tolerantes, libertários e esquerdistas, nem ainda como este homossexual;

jejuamos várias vezes por semana, damos os dízimos de tudo o que ganhamos, defendemos a fé cristã como verdadeiros guardiões da sã doutrina e temos tanta convicção acerca das normas severas contidas em tua lei, que somos incapazes de um dia nos tornarmos tão perversos como este homossexual.

O homossexual, estando em pé, longe, não ousava nem ainda levantar os olhos ao céu, mas simplesmente batia no peito, dizendo: Ó Deus, sê propício a mim, pecador!

Digo-vos que este desceu justificado para a sua casa, e não aqueles blogueiros cristãos cheios de normas severas, porque todo o que se exalta será humilhado; mas o que se humilha será exaltado."

É isso!

Sem comentários!

na Graça,

Jefferson

2 comentários:

Anônimo disse...

muito bem colocada a tua parabula, nos mostra humossexoal com coração humilde e aquebrantado. mas e os outro que querem continuar com sua viciada com acasalamento do mesmo sexo. se arrepender tudo bem, mas se não cointinuraaaá sendo um guey em outro lugar,na igreja não em cristo pois cristo não abita no pecado.

Anônimo disse...

muito bem colocada a tua parabula, nos mostra humossexoal com coração humilde e aquebrantado. mas e os outro que querem continuar com sua viciada com acasalamento do mesmo sexo. se arrepender tudo bem, mas se não cointinuraaaá sendo um guey em outro lugar,na igreja não em cristo pois cristo não abita no pecado.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...