sábado, 8 de novembro de 2008

Declaração conjunta de católicos e muçulmanos

Cristãos e muçulmanos têm de trabalhar em conjunto para proteger a liberdade religiosa. Ambos devem aprender mais acerca uns dos outros e devem, também, ser testemunhas para o mundo da realidade que é Deus. Este é o centro da declaração final do Fórum Católico – Muçulmano, que encerrou esta Quinta-feira, no Vaticano. Os participantes, 28 muçulmanos e 28 católicos, encontraram-se para discutir, a partir das suas crenças, o amor de Deus e o amor ao próximo. A leitura da declaração final foi feita na Universidade Pontifícia Gregoriana, em Roma.

Leia mais em
Agência Eclesia .