sexta-feira, 3 de junho de 2011

J. J. Rousseau - o pensador solitário



Decidi, estes dias, estudar um pouco da obra de J. Jaques Rousseau (1712-1778).

Rousseau foi criado em Genebra, cidade de Calvino. Mas logo cedo, após uma infância bastante difícil, fugiu e acabou por tornar-se, por necessidade, católico romano.

Uma de suas obras mais famosas foi “Do contrato social”, um clássico do pensamento político.

Algo interessantíssimo em Rousseau foi que ele reagiu veementemente contra o absolutismo de Jean Bodin, Bossuet e Hobbes, mas também não concordou com o liberalismo de Locke e Montesquieu, mais adeptos de um parlamentarismo representativo.

Leia todo o texto no Blog do Seino.