terça-feira, 10 de julho de 2012

Nem tudo é o que parece

Muitos me dirão naquele dia: Senhor, Senhor, não profetizamos nós em teu nome? e em teu nome não expulsamos demônios? e em teu nome não fizemos muitas maravilhas?

E então lhes direi abertamente: Nunca vos conheci; apartai-vos de mim, vós que praticais a iniqüidade.

Mateus 7:22-23
 
 
As santas palavras do nosso Senhor sempre nos advertem contra o espetáculo em nome da fé.
 
Nosso Senhor não desmente aqueles que afirmaram que haviam expulsado demônios, profetizado, ou feito muitas maravilhas. Provavelmente, fizeram mesmo.
 
Entretanto, não foi isso que definiu sua aprovação naquele terrível dia.
 
Nem tudo é o que parece. Nem sempre, são realmente homens íntimos de Deus que realizam tais feitos.
 
Pelos frutos os conhecereis.
 
Vivem vida parecida com a do nosso Senhor e dos seus abençoados apóstolos?
 
Caso contrário, há uma terrível expectativa que os aguardam, por mais que se portem e se apresentem hoje como homens de Deus.
 
A construção da intimidade com Deus se constrói no secreto do coração.