quinta-feira, 9 de abril de 2015

Motivos para irmos à igreja - Ouvir uma boa música


Acredito que a música sempre foi “um forte” nas igrejas protestantes e evangélicas.
Talvez por não desenvolvermos muito as artes sacras, acabamos desenvolvendo mais qualidades musicais.

Entretanto, nos cultos das igrejas reformadas e protestantes, o centro sempre foi a palavra.

Atualmente, vemos que a música tomou conta de boa parte do culto, que tem se tornado cada vez mais emocional.

E a qualidade das musicas atuais nem se compara com os hinos antigos.

Ocorre que, em muitos lugares, a música se tornou uma estratégia para atrair o público, principalmente mais jovem.

Já cheguei a ir em uma igreja com uma duração razoavelmente grande do momento do louvor, mas que na hora da palavra, muita gente demandava.

O que penso disso?

Bem.

Um amigo pastor uma vez me disse que, aquilo que você fizer para atrair e manter o povo é aquilo que você deverá fazer sempre. Se atrair o povo com música, terá que sempre ter música.  Se for com palavra, terá que ser com palavra...

Hoje podemos observar que esta questão musical está bastante sedimentada no mercado, e que artistas “gospel” têm cobrado cachê exorbitantes. Ou seja, tudo virou um grande mercado.

Acredito que alguém até pode ser atraído pela musica, mas se quiser amadurecer, terá que ir além.