sexta-feira, 1 de maio de 2015

Motivações corretas para nos reunirmos enquanto igreja

Motivos para irmos para a igreja


Já vimos por aqui algumas motivações que muitos usam para se reunir enquanto igreja, como as campanhas de oração, os métodos radicais, eventos musicais e lideranças carismáticas.

Entretanto, quais seriam as verdadeiras e reais motivações bíblicas que devem nos motivar a nos reunirmos enquanto comunidade cristã?

Primeiramente, nos reunimos por amor a Deus, advindo de uma profunda consciência de que o Senhor Jesus é o "inventor" da comunidade, o criador da igreja. Foi ele quem inventou este negócio de estarmos juntos. Não é ideia humana. A igreja é dele. 

Nos reunimos também para nos amarmos uns aos outros como ele nos amou. A convivência em uma comunidade cristã deve "trazer" o céu para o presente. É no amor uns aos outros que nós somos reconhecidos como discípulos.

A comunidade reunida deve expressar a unidade que temos com Deus e uns com os outros. Não somos um bando de "pneumáticos" (espirituais) espalhados e isolados por aí, e sim a comunidade do Deus vivo.

Nos reunimos em torno do Cristo para partilharmos do pão e do vinho, e assim celebrar constantemente os meios de graça que o Senhor nos deixou. Reafirmamos e nos fortalecemos na fé.

Vivemos em comunhão para viver a mutualidade evangélica, consistente em estudar mais a sua Palavra, nos instruirmos uns aos outros, resistirmos juntos ao mal, orarmos uns pelos outros, mutuamente nos edificarmos, nos estimular às boas obras, entre tantas outras coisas. Estamos juntos para sermos família de Deus. Quando estamos juntos pelas causas corretas, é menos difícil nos estimularmos às coisas corretas!

Precisamos ser uma comunidade que existe para a glória d'Ele. É para isso que vivemos em comunidade. Temos que buscar no Senhor as verdadeiras motivações para nos reunirmos enquanto igreja. Vivemos unidos para pregar e viver o evangelho.

É uma alegria fazer parte de uma comunidade saudável, amarmos uns aos outros, compartilharmos a vida. Igreja é uma coisa boa, embora tenha recebido muitas críticas ultimamente. Igreja é invenção de Deus, é a esposa e o Corpo de Cristo, é povo reunido, e tudo isso é muito bom.

Leia também:

Igreja X Instituição

Há uma instituição entre nós

Decepcionados com a Instituição