segunda-feira, 3 de maio de 2010

Os limpos de coração

"Bem aventurados os puros de coração, porque verão a Deus" (Mt 5.8)

Somente Deus pode nos dar um coração puro. Por isso, as bem aventuranças são dirigidas àqueles que ouvem a Palavra e a acolhem.

A substância pura é aquela que, obviamente, não contém nenhuma outra impureza, nada que lhe contamine.

Assim também, o coração puro é aquele que não possui em si nada que o contamina.

Foi purificado "pela lavagem da água, pela Palavra".

O impulso vital de cada qual parte do coração.

Fonte limpa. Atos limpos. Fonte suja. Atos sujos.

A transformação é interior. Sempre de dentro para fora.

Tal pureza é a condição para se ver a Deus.

Ver a Deus é o ato máximo da contemplação humana; o alvo da existência cristã.

Procurar entender e ver a Deus em tudo o quanto se faz.

Na face do irmão, em sua Palavra, no partir do Pão.

Queremos ver a Deus.

Daí, alguém já ter dito que ser puro de coração é querer Ele, somente Ele...

Que o Senhor não nos permita beber de fontes turvas...