segunda-feira, 10 de maio de 2010

Pela graça sois salvos, por meio da fé


"Porque, pela graça sois salvos, por meio da fé. Isto não vem de vós; é dom de Deus. Não vem das obras para que ninguém se glorie" (Efésios 2.8).



Paulo, desde cedo, enfrentou o problema dos judaizantes. Quem eram estes? Eram aqueles que diziam que se os novos convertidos (gentios) não se circuncidassem, não seriam salvos de modo algum (Atos 15.1). Os tais sempre chegavam a uma recém-comunidade fundada e edificada por Paulo com tal mensagem, desvirtuando o evangelho.

O apóstolo dos gentios desde cedo enfrentou, sem ceder por um momento sequer, a doutrina dos judaizantes, ensinando que, por obras da lei ninguém será salvo, mas sim pela fé em Cristo, pois a justificação vem pela fé (Gálatas 2.16), e desde cedo, a igreja cristã afastou a necessidade dos novos convertidos se circuncidarem quando do pronunicamento do assim chamado Concílio de Jerusalém (Atos 15.6).

Entretanto, é uma tentação humana sempre tentar sistematizar a religião cristã de um modo tal que, se as pessoas não observarem isso ou aquilo, não fizerem algo em seu próprio favor, não poderão ser salvas.

E o problema de tal tipo de mensagem é que, os que a ela aderem, acabam se tornando escravos de tais líderes. E Cristo nos libertou para que fôssemos verdadeiramente livres.

Por isso, qualquer sistema, qualquer lei que se diga que é preciso algo a mais que a fé em Cristo para a salvação é contrária á mensagem do evangelho, ainda que seja uma lei eclesiástica, ainda que seja uma lei fundada nas Sagradas Escrituras.

Se o homem pudesse fazer alguma coisa para a sua própria salvação, não havia necessidade de Cristo, o Filho de Deus, ter vindo ao mundo para nos dar da sua própria vida.

Precisamos estar constantemente atentos pois, é muito natural, e muito humano, a rejeição à graça de Deus para se criar algum tipo de sistema, algum tipo de lei ou poder, que esvazie a graça divina, aumente o poder de certos homens, e escravize tantos outros.

Sola fides.