quinta-feira, 9 de junho de 2011

Para que sejam um

Lectio:

Doravante já não estou no mundo, mas eles estão no mundo, e Eu vou para ti. Pai santo, Tu que a mim te deste, guarda-os em ti, para serem um só, como Nós somos!

Enquanto estava com eles, Eu guardava-os em ti, em ti que a mim te deste. Guardei-os e nenhum deles se perdeu, a não ser o homem da perdição, cumprindo-se desse modo a Escritura. 



Meditatio:

Esta é a conhecida oração sacerdotal de Cristo, uma espécie de despedida enquanto estava neste mundo. Uma oração revela os profundos desejos do coração de alguém, ainda mais tratando-se de Jesus. E o seu desejo é para que seus "discípulos fossem um, como ele é um com o Pai". Dois mil anos de cristianismo nos mostram a urgência e a importância do caráter de tal oração, em um cristianismo tão fragmentado e dividido. Haverá ainda alguma importância no desejo de Cristo para a unidade dos cristãos, cada vez mais divididos? De qualquer modo, se formos "guardados em Deus", de algum modo talvez, consigamos recuperar e expressar a nossa primitiva unidade, pois Cristo é tudo em todos".

Jesus, enquanto pastor, guardava todos em Deus ("eu os guardava em ti"). Não há lugar melhor para se "guardar" alguém que em Deus. O Salmista diz que Deus é o nosso Castelo Forte. E o esforço pastoral se dá até ao ponto de não se perder nenhum. Jesus é assim, o bom pastor que nos guarda em Deus, e fará tudo o que depender dele para que nenhum se perca.


Actio:

Planeje ações (e orações) que promovam a unidade dos cristãos. Evite falar mal do ministério alheio. Não promova divisões. É difícil pregar uma mensagem de reconciliação, se nós mesmos não estivermos reconciliados uns com os outros.

Una-se a Cristo no "munus" pastoral para que ninguém se perca, guardando todos "em Deus". Cada pessoa é extremamente importante para Deus, que "não quer que ninguém se perca, mas chegue ao pleno conhecimento da verdade".


Oratio:

Senhor. Dá à sua igreja o dom da unidade que há em Ti e no Filho. Perdoa-nos a nossa falta de unidade, e individualismo. Ajuda-nos a te ajudar a cuidar do teu povo. Em teu nome que oramos. Amém.