terça-feira, 16 de julho de 2013

O sono da morte


"...Ilumina-me os olhos para que eu não durma o sono da morte" (Salmos 13.3b).


Ilumina-me os olhos, meu Senhor...

Para que eu não durma o sono da morte...


Dormem o sono da morte...

Os que se esquecem de ti, Senhor...

Os que dedicam a vida toda somente aos bens materiais...

Os que ajudam na construção de uma sociedade violenta e corrupta...

Os que radicalmente se entretém na indústria do prazer, do lazer, da pornografia, da malandragem...

Os que prestam o culto ao dinheiro, a Mamon... e vivem toda a vida para acumulá-lo...

Os que prestam suas honras à moda, ao consumismo, ao hedonismo, ao egocentrismo...

Os que acumulam tesouros para si neste mundo...

Os que desprezam os pobres, os necessitados...

Os que vivem para competir e dizer que são melhores do que outros...

Os que se utilizam do poder somente para a vanglória...

Os que vivem em função da disputa de cargos hierárquicos na sociedade, nas empresas, na política, nas religiões...

Os glutões, sensuais, orgulhosos, vaidosos, enfatuados, rebeldes, consumistas...

Os que se escondem atrás de uma religião justamente para não mudar de atitude...

Os que usam a religião como fonte de lucro e de poder...

Os que adoram uma religião do ego, com vãs bajulações e promessas sem nenhum compromisso... sem nenhum sacrifício...

Os violentos, agressores, estupradores, assassinos, viciados...

Os que fazem acepção de pessoas...

Tais como somos e fomos muitos de nós...

Abra os meus olhos, Senhor...

Para que eu não durma o sono da morte...

Para que embora pareça vivo, morto esteja...

Abras os olhos desta sociedade, Senhor!

Convença-os, Senhor, do pecado, da justiça e do juízo...

Efatá!

Desperta tu, dentre os mortos...

E Cristo te iluminará!


fonte da foto: http://prmaiko.blogspot.com.br/2012/08/o-sono-da-morte-vigia.html

Nenhum comentário:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...