domingo, 10 de outubro de 2010

Tributar glórias a Deus com a sua dificuldade


"De maneira que as minhas cadeias, em Cristo, se tornaram conhecidas de toda a guarda pretoriana e de todos os demais..." (Filipenses 1.13).



Algo do caráter inabalável de Paulo que nos serve de experiência para os nossos dias é o fato como ele encarava as dificuldades em sua vida como oportunidades para a glória de Cristo.

No caso em questão, ele, o apóstolo dos gentios estava preso por conta de sua atividade missionária.

Importante salientar que o sofrimento de Paulo não é por algum pecado, ou algum erro que ele tenha cometido, mas sim é por conta de sua própria missão, pois ele diz minhas cadeias "em Cristo".

Alguém pode estar sofrendo por conta de algum mal que provocou, mas ainda assim o poderá reverter para a glória de Cristo, se sofrer com humildade e ponderação.

Precisamos aprender a converter nossas dificuldades pessoais em oportunidades para tributarmos ainda maior glória a Deus.

Não sei a dificuldade por qual você tem passado. Talvez seja uma perseguição, talvez seja o fim do seu casamento, talvez a incompreensão dos que te rodeiam, ou talvez tenha perdido uma boa oportunidade econômica porque escolheu permanecer cristão.

Faça com que seu sofrimento e sua dor tribute maior glória a Deus. Não se entregue a dor, e não entre em um círculo vicioso de lamúria e lamentação. Fostes comprados por preço, glorificai, pois a Deus com o vosso corpo.

Bendito seja o nome do Senhor.