quinta-feira, 9 de outubro de 2008

A igreja não pode reconhecer divórcios

PULLELLA - O papa Bento 16 disse neste domingo que a Igreja não poderia reconhecer "uniões irregulares" de católicos que se divorciam e se casam de novo fora da instituição.

"As iniciativas com o objetivo de abençoar uniões irregulares não podem ser admitidas", disse Bento 16 em um discurso para bispos franceses no santuário da cidade de Lourdes.

Leia toda a matéria em
Estadão .